Livro do Céu Volume 1-23 – Uma nova e muito dura cruz para Luísa: submeter-se, como Vítima, ao poder dos Sacerdotes. Os sofrimentos mais dolorosos que ela teve que suportar por parte deles.

Jesus disse no Livro do céu
Livro do Céu Volume 1-23 – Uma nova e muito dura cruz para Luísa: submeter-se, como Vítima, ao poder dos Sacerdotes. Os sofrimentos mais dolorosos que ela teve que suportar por parte deles.
Clique na barra abaixo para escutar em áudio

Livro do Céu Volume 1-23 

Quando chegou o tempo, ele foi ao campo, então uma manhã, depois da comunhão, o Senhor me fez entender que devia ser surpreendida neste estado; convidou-me a fazer-lhe companhia com a participação nas suas dores, mas eu subitamente lhe disse: “Senhor, como farei? O confessor não está, quem deve me libertar? Quer acaso me fazer morrer?” 

E o Senhor me disse somente: “tua confiança deve estar somente em Mim, esteja resignada, pois a resignação faz a alma luminosa, faz dar às paixões seu lugar, de modo que Eu, atraído por esses raios
de luz, vou à alma e a uniformo toda em Mim, e a faço viver de minha mesma Vida”.  

Eu resignei-me à sua Santa Vontade; ofereci aquela comunhão como a última da minha vida, dei o último adeus a Jesus no Sacramento, e embora estivesse resignada, a minha natureza sentiu tanto, que todo aquele dia não fiz outra coisa senão chorar e pedir ao Senhor que me desse a força. Na verdade me pareceu muito amargo todo esse fato, e sem pensar nem sabê-lo encontrei uma nova e pesada cruz que creio ter sido a mais pesada que tive em minha vida.

Enquanto estava naquele estado de sofrimentos, eu não pensava em outra coisa mais do que morrer e fazer a vontade de Deus. Os familiares, que também sofriam ao me ver naquele estado, tentaram chamar algum sacerdote, mas ninguém quis vir, de um lado um não queria vir, e outro por outro; depois de dez dias veio o sacerdote que me confessava quando era pequena32, e aconteceu que também ele me fez sair desse estado, e então me dei conta da rede na qual o Senhor me havia envolvido.

Daqui veio-me um conflito33 por parte dos sacerdotes, havia quem dizia que era fingimento, que precisava de uma surra, outros que queria me passar por santa, quem acrescentava que estava possuída e muitas outras coisas, que dizê-las todas seria alongar muito a história. Com estas ideias em suas mentes, quando sucediam os sofrimentos e a família mandava cha

32 Il Canônico D. Michele de Benedictis.
33 Então começou a oposição, cada vez mais aberta, que
durou toda a sua vida, até que seus livros publicados pelo
Santo Ofício foram condenados em 1938. Nem todos os padres se comportaram com Luísa como o Santo Padre Aníbal
Di Francia ou como seus confessores.

mar alguém, não queriam vir, dizendo todas aquelas coisas, e a pobre família sofreu muito, especialmente a minha pobre mãe: quantas lágrimas derramou por mim. Ah! Senhor, protege-a Tu. Oh meu bom Senhor, quanto sofri desde então, só Tu sabes tudo! 

Quem pode dizer quão amargo me foi este fato que, para libertar-me desse estado de sofrimentos, necessitava-se do sacerdote? Quantas vezes pedi derramando lágrimas amarguíssimas, que me libertasse disto! Muitas vezes tive certas resistências ao Senhor quando Ele queria que me oferecesse como vítima, e aceitasse as penas, e lhe dizia: “Senhor, promete-me que Tu mesmo me libertarás, e então aceito tudo, de outra maneira não, não quero aceitar”. E resistia o primeiro dia, o segundo, o terceiro, mas quem pode resistir a Deus? Insistia tanto comigo que finalmente me via obrigada a submeter-me à cruz.

Outras vezes lhe dizia de coração e com confiança: “Senhor, como é que fazes isto? Como é que entre mim e Ti, quis colocar um terceiro? E este terceiro não quer sujeitar-se. Veja, poderíamos estar muito contentes Tu e eu sozinhos. Quando me queria para sofrer, eu imediatamente aceitava, porque eu sabia que Tu mesmo deverias me libertar, mas agora não, outra mão é necessária, Eu imploro, liberta-me, porque ambos estaremos mais felizes”.  

Às vezes fingia não me escutar e não me dizia nada, outras vezes me dizia: “Não temas, sou Eu quem dá as trevas e a luz; virá o tempo da luz. É meu costume que minhas obras as manifeste por meio dos sacerdotes”34. 

Assim passei três ou quatro anos nestas contradições por parte dos sacerdotes, muitas vezes me sujeitavam a provas duríssimas, chegavam a me deixar nesse estado de sofrimentos, isto é, petrificada, incapaz de qualquer mínimo movimento, nem sequer poder tomar uma gota de água, até 18 dias quando o queriam. Só o Senhor sabe o que eu passava nesse estado, e logo quando vinham não tinham sequer o bem de ouvir: “Tenha paciência, faça a Vontade de Deus”. Mas era repreendida como uma caprichosa e desobediente.

 

Compartilhe a Divina Vontade

Você também pode gostar

Livro do Céu Volume 1-24 Luísa curva-se com Graça às dores que lhe vêm dos padres. Jesus Cristo, valendo-se da epidemia de cólera, a põe em evidência, tornando pública sua condição de vítima.
Livro do Céu Volume 1-22 – Luísa é impelida a ficar de cama por períodos de tempo. Acentua-se a incapacidade de comer. Pela primeira vez é chamado o confessor, que a liberta do estado de petrificação29.

Aplicativo Vida na Divina Vontade

Baixe Direto o APP Android

ENCONTRE TUDO RAPIDINHO

Horas da Paixão

31 Dias com Maria 

Giros da Alma

Escritos de Luisa PiccarretaLIVRO DO CÉU

Nossos vídeos no Youtube

Evangelho Maria Valtorta

Vida Intima de Ns Senhor 

VÍDEOS DA ESCOLA

 

   Aplicativo para outros celulares: https://app.vc/dvbeta

Telegram: https://t.me/joinchat/Vy8mSSfh_lVs_nez

Whatszap:
12.988930463

Baixar os: Livros da Valtorta
e Livros da Vida intima

 

           ORAÇÃO DO DIA

¨Mãe celeste, Rainha Soberana do Fiat Divino, toma-me pela mão e mergulha-me na Luz do querer Divino. Tu serás a minha guia, minha terna Mãe, e me ensinarás a viver e a manter-me na ordem e no recinto da Divina Vontade. Amém, Fiat.¨

O que é o Reino da Divina Vontade?

Canal Divina Vontade

Como se faz os 31 Dias com Maria

Formação na Divina Vontade

Músicas da Divina Vontade

Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial
Abrir bate-papo
1
Escanear o código
Olá 👋
Podemos ajudá-lo?